Relembre a trajetória de Zidane como treinador do Real Madrid

Na tarde desta segunda-feira (11), o Real Madrid anunciou oficialmente a volta de Zinedine Zidane ao comando técnico da equipe. O treinador assinará contrato até junho de 2022. Nove meses após deixar o cargo, o francês chega para substituir Santiago Solari. E, o Por Dentro do Gol fez uma retrospectiva da passagem anterior do técnico.

Apesar de ídolo nos tempos de jogador, pouco se conhecia do “treinador Zidane”, porém já se existia expectativa. Até então, ele só havia trabalhado nas categorias de base do clube e como assistente técnico. Entretanto, após a saída de Rafa Benítez, o francês ganhou sua oportunidade. Logo na estréia goleou o Deportivo La Coruna por 5 a 0, foi a melhor estréia de um treinador do clube merengue desde 1959. O time estrelado – até no banco de reservas – se encaixou e no final da temporada se sagrou campeão da UEFA Champions League e do Mundial de Clubes.

Na segunda temporada à frente do comando técnico do clube, o treinador levou o time ao título da Supercopa da UEFA. A equipe liderada por Cristiano Ronaldo no campo e Zidane no banco conquistou bicampeonato da Champions League e do Mundial de Clubes. Além disso, foi campeão espanhol após 5 anos, deixando para trás a hegemonia do seu maior rival.

Já em seu último ano comandando do Real Madrid, Zizou venceu, no início da temporada, a Supercopa da Espanha e mais uma Supercopa da UEFA. Não satisfeito com “apenas” duas Champions League, Zidane levou os merengues à terceira orelhuda.

Fato histórico, nenhum clube ou treinador havia alcançado este feito. Porém, três dias depois da conquista do tricampeonato.

O treinador convocou uma coletiva para anunciar sua saída. Foram 9 taças erguidas pelo técnico que, em pouco tempo, se tornou um dos maiores da história, assim como quando ainda jogava

Agora de volta ao Real, Zidane terá a difícil missão de administrar o time, que acabou de ser eliminado de duas competições importantes e está em 3º lugar do Campeonato Espanhol com 51 pontos, 12 pontos atrás do líder Barcelona. Zizou na coletiva de hoje, disse seu sentimento por estar de volta ao Madrid.

“Estou muito contente de voltar a trabalhar com este grande clube e com este grande elenco”

Pedro Calasans

Estudante de Jornalismo

Escreva um comentário...