Sul-Americana: com um a mais, Botafogo vence e traz vantagem para casa.

Foto: Vítor Silva/Botafogo

Na estreia de Eduardo Barroca em competições internacionais, o Botafogo fez bom uso de sua vantagem numérica, dominou o adversário fora de casa e conseguiu importante vantagem para a sequencia da Copa Sul-Americana.

Após o tropeço contra o Goiás pelo Brasileirão, a equipe carioca mostrou os mesmos problemas de domingo no inicio do jogo, a falta de movimentação do meio de campo e o abuso nos erros de passe fez com que o adversário conseguisse pressionar o Alvinegro nos primeiros quinze minutos. Em um lance confuso na saída de bola Botafoguense, o zagueiro Gabriel acabou cometendo pênalti em Villagra. O lateral Clar bateu com estilo mas mandou a bola no travessão.

O Botafogo foi equilibrando o jogo, até que aos trinta e um minutos o atacante Pardo da equipe paraguaia cometeu falta em Fernando, o mesmo recebeu o segundo amarelo e foi expulso. A partir disso os comandados de Barroca empurraram o adversário para trás e rodaram a bola com paciência, porém sem criatividade. No final do primeiro tempo, Diego Souza teve uma excelente chance que parou no goleiro Escobar.

Na volta do intervalo, a equipe brasileira acelerou o ritmo e pressionou os donos da casa, Diego Souza com uma cabeçada certeira após cruzamento de Erik teve seu gol impedido pelo zagueiro paraguaio, e Alex Santana não aproveitou o rebote. O comandante Alvinegro resolveu mudar o time aos 23 minutos, sacou Cícero e João Paulo, para botar Gustavo Bochecha e o atacante Luiz Fernando.

Aos 30 minutos a paciência Alvinegra foi recompensada, o artilheiro da Copa Sul-Americana Erik aproveitou a falha do goleiro Escobar e de voleio abriu o placar, o atacante chegou ao quarto gol no seu terceiro jogo pelo torneio. O Botafogo após o gol continuou com a posse de bola e criando chances, Diego Souza dentro da área chutou após bela jogada de Luiz Fernando mas foi bloqueado pela zaga.

Post da página oficial do Botafogo após o gol de Erik.

No final da partida Jean foi posto em campo por Barroca. O volante sequer tocou a bola direito, com menos de dois minutos agrediu um adversário e foi advertido com cartão vermelho direto.

Panorama

O Botafogo retorna ao Rio de Janeiro com vantagem para o segundo jogo. Mas antes tem o Palmeiras sábado pelo Brasileirão. A equipe carioca busca uma vitória na competição após a derrota na última rodada.

Igor Castilho

Sou mais um amante de futebol e estudante de jornalismo que busca seu lugar, trazendo com seriedade as informações. Escrevo para a página "Por Dentro do Gol".

Escreva um comentário...