Sul-Americana: em noite inspirada, Fluminense goleia no Maracanã

Foto: Felipe Duest.

Nesta noite de quarta-feira, o Fluminense entrou em campo para mais de 28 mil pessoas no Rio de Janeiro. O time das Laranjeiras enfrentou o Atlético Nacional de Medellin no primeiro jogo válido pela Copa Sul-Americana. O Tricolor não contava com os volantes Airton e Bruno Silva, e de seu principal atacante Pedro devido a questões físicas.

Os comandados de Fernando Diniz começaram o jogo da maneira que seu treinador prefere. O Fluminense buscou a posse de bola de maneira objetiva, empurrando o adversário para seu próprio campo. Aos 2 minutos, após cruzamento de Yony González, o garoto João Pedro abriu o placar de cabeça. O time Tricolor não abaixou o ritmo e 5 minutos depois João Pedro aproveitou o ótimo passe de Daniel, tocou por cima do goleiro Cuadrado e marcou o segundo dele no jogo.

Os colombianos sentiram o golpe mas não se entregaram, os gringos assustaram o Tricolor com Hernán Barcos que mandou a bola no travessão. Mas logo em sequência, o menino João Pedro serviu de garçom para o capitão Luciano marcar o terceiro gol do jogo em menos de 11 minutos. O time das Laranjeiras dominava o jogo, mas em um vacilo da defesa, o lateral Gilberto cometeu pênalti em Deiver Machado, o “pirata” Barcos cobrou e converteu para os visitantes.

A partida ficou equilibrada e os colombianos saíram em busca do segundo gol, e criaram a chance novamente com Barcos que foi interrompido pelo goleiro Agenor, o adversário acabou deixando espaços na defesa, onde Caio Henrique se aproveitou e cruzou na área para João Pedro marcar o terceiro dele no jogo aos 32 minutos. Em contra ataque armado por Daniel, Yony González foi derrubado por Bocanegra, pênalti para o Fluminense. Aos 34 minutos o próprio Yony bateu e o goleiro colombiano fez a defesa. E o primeiro tempo se encerrou com o placar de 4 a 1 para o Fluminense.

João Pedro após seu segundo gol. Foto: Felipe Duest.

Na volta do intervalo o ritmo do duelo caiu, a equipe de Diniz não foi ameaçada, controlou o jogo de maneira correta e desperdiçou algumas boas chances de aumentar o placar. Aos 13 minutos Luciano desperdiçou após boa jogada de João Pedro. Aos 20 minutos, Luciano novamente desperdiçou um bom lance de marcar o quinto gol, chutando em cima do goleiro, e logo em sequência foi substituído por Marcos Paulo. João Pedro teve uma chance clara para marcar seu quarto gol na partida, porém o jogador finalizou errado.

O lateral direito Gilberto também teve duas boas oportunidades de ampliar o placar e desperdiçou mandando a bola para fora duas vezes. Fernando Diniz ainda botou Igor Julião no lugar de Daniel que fez boa partida, e o atacante Pablo Dyego, sacando João Pedro que foi ovacionado. O jogador acabou saindo direto para os vestiários pelo que parecia se queixar de dores no ombro esquerdo.

Panorama

Com o placar de 4 a 1, a equipe brasileira pode perder o jogo da volta por até 3 gols de diferença se marcar na casa do adversário. O Fluminense volta a campo no domingo (26) pelo Campeonato Brasileiro, quando enfrentará o Bahia fora de casa, a equipe carioca ocupa a décima terceira posição, com seis pontos somados.

Igor Castilho

Sou mais um amante de futebol e estudante de jornalismo que busca seu lugar, trazendo com seriedade as informações. Escrevo para a página "Por Dentro do Gol".

Escreva um comentário...