Gabriel prega respeito, mas quer Botafogo agressivo contra o Palmeiras

Foto: Vítor Silva/Botafogo

O Botafogo entrará em campo nesse sábado (25) e busca retomar o caminho das vitórias no Campeonato Brasileiro. Após o bom resultado pela Copa Sulamericana, o alvinegro enfrentará o Palmeiras, atual líder da competição no estádio Mané Garrincha. O zagueiro alvinegro Gabriel comentou sobre o adversário.

“Vai ser um jogo difícil e importante contra uma grande equipe. Sabemos que é em estádio neutro, mas naquela região de Brasília tem muito botafoguense. Com todo respeito ao Palmeiras, vamos até lá para fazer um grande jogo”.

O técnico Eduardo Barroca terá que fazer algumas alterações na equipe, já que não poderá contar com atacante Erik que está emprestado ao Botafogo pelo Palmeiras, com o zagueiro Joel Carli suspenso, e com o atacante Rodrigo Pimpão que não se recuperou de lesão. Gabriel falou sobre os desfalques.

“Faz muita falta, são três jogadores de qualidade, mas o Botafogo tem um elenco qualificado. Quem entrar vai batalhar muito por uma oportunidade. E ela apareceu em boa hora, contra o líder e com estádio cheio. Quem entrar vai dar o seu melhor”.

A esperança de gols do Botafogo será seu camisa 7, Diego Souza. Porém, desde que chegou ao Alvinegro, o atacante só balançou as redes uma vez. Fato curioso é que o jogador já atuou com a camisa do Palmeiras, e os torcedores e Gabriel acreditam na lei do ex.

“Colocamos fé no Diego Souza. É nosso centroavante e precisa de gols. Vamos jogar em prol da equipe e dele. É um cara merecedor e batalhador, está se dedicando muito para nos ajudar”.

Foto: Vítor Silva/Botafogo.

No final da entrevista, Gabriel foi perguntado se o Botafogo tem condições de controlar o jogo contra o Palmeiras, tendo em vista que há uma disparidade financeira entre os clubes. O time paulista conta com um elenco recheado de craques e estrelas, enquanto os cariocas passam por um momento de dificuldades para montar um time competitivo.

“Nosso estilo de jogo não pode mudar. Claro que com imenso respeito ao Palmeiras. Vai ser difícil, mas temos que manter a característica de posse de bola, ser agressivo e pressionar o adversário”.

A equipe Alvinegra encerrou hoje a preparação para o jogo que ocorrerá amanhã, em Brasília, às 16 horas.

Igor Castilho

Sou mais um amante de futebol e estudante de jornalismo que busca seu lugar, trazendo com seriedade as informações. Escrevo para a página "Por Dentro do Gol".

Escreva um comentário...