Seleção Carioca da Rodada 6

A sexta rodada do Brasileirão já acabou para os times cariocas. No geral, os resultados não foram positivos, com exceção do Flamengo, que triunfou no Maracanã por 3 a 2, em virada espetacular em cima do Athletico. O Botafogo não teve tarefa fácil e foi derrotado pelo líder Palmeiras por 1 a 0, assim como o Fluminense visitou o Bahia e saiu com o revés de 3 a 2. O Vasco conquistou apenas um ponto no empate contra o Fortaleza por 1 a 1, após abrir o marcador.

O Por Dentro do Gol elegeu as melhores atuações dos quatro grandes do Rio e formou a Seleção Carioca da Rodada 6. Confira o destaque de cada jogador:

Diego Alves – Flamengo

Apesar de ter sido vazado duas vezes, o goleiro rubro negro fez três importantes e difíceis defesas ainda no primeiro tempo e evitou que o Flamengo fosse para o vestiário com o resultado negativo. Não teve culpa nos gols sofridos pelo time e chegou a tocar na bola na forte cobrança de pênalti de Marcelo Cirino.

Rodinei – Flamengo

A torcida flamenguista pega no pé do lateral, mas ontem ele cumpriu bem sua missão. Na metade do segundo tempo, Abel Braga sacou Pará, amarelado, do time e deu lugar a um Rodinei que entrou intenso na parte ofensiva. O escanteio que culminou no gol da virada foi gerado a partir de um chute do jogador.

Renê – Flamengo

O lateral esquerdo elevou seu nível de atuação nos acréscimos do jogo. Quando a partida estava empatada em 2 a 2, o Athletico teve um escapada com Tomás Andrade, que ficou cara a cara com Diego Alves dentro da área, mas foi desarmado na hora H por Renê. O camisa 6 ainda deu a assistência decisiva para o gol da virada.

Marcelo Benevenuto – Botafogo

Ainda que o Botafogo tenha perdido para o líder, o time não jogou mal. Pelo menos defensivamente a equipe apresentou dificuldades para o Palmeiras vencer. Com boas intervenções e concentração no posicionamento durante a partida, Marcelo Benevenuto aproveitou bem a oportunidade de substituir o capitão Joel Carli e mostrou ao técnico Eduardo Barroca que pode ajudar a equipe na longa temporada.

Rodrigo Caio – Flamengo

Fez o gol que sacramentou a virada espetacular do Flamengo e garantiu os três pontos para a equipe rubro-negra no Maracanã. Defensivamente não fez um grande jogo, mas o zagueiro não poderia ser deixado de fora da Seleção Carioca da Rodada 6 após fazer o gol mais emocionante do final de semana.

Daniel – Fluminense

Com idas e vindas na titularidade do time, o camisa 20 do Fluminense começou a ganhar espaço na equipe. Contra o Bahia, o meio-campista até tentou criar, rodava a bola, mas pegou a zaga baiana em um ótimo dia. Merece o destaque devido a escassez de boas atuações na posição.

Yago Pikachu – Vasco

O híbrido Yago Pikachu foi mais uma vez importante para o time do Vasco. Cobrou o pênalti que abriu o placar no Castelão e teve boa presença ofensiva, como de costume. O Vasco não conseguiu sair com os três pontos, mas o gol de Yago Pikachu garantiu um ponto importante para o momento que o Gigante da Colina vive.

Everton Ribeiro – Flamengo

Motorzinho e regularmente um dos melhores em campos pelo Flamengo. Everton Ribeiro mais uma vez ditou o ritmo em campo, buscando a bola na defesa e distribuindo o jogo no ataque. No momento, é o jogador mais inspirado tecnicamente do elenco e sempre encontra soluções inteligentes para situações complicadas do jogo. Ontem deu a assistência para o gol que empatou o jogo aos 44 minutos do segundo tempo.

Rossi – Vasco

Sofreu o pênalti que terminou em gol para o Vasco. Contudo, não é de hoje que Rossi vem se destacando no time. Ele é o jogador mais enérgico em campo e nunca se esconde do jogo. O atacante é uma ótima válvula de escape e talvez tenha se tornado o primeiro titular absoluto no time de Vanderlei Luxemburgo.

Bruno Henrique – Flamengo

O artilheiro do Flamengo no ano não para. Mais uma vez comemorou um tento e, desta vez, com bastante importância. Desde o início do confronto era o jogador rubro negro que mais tentava jogadas individuais objetivas para quebrar as linhas de defesa do Athletico. Aos 44 minutos do segundo tempo testou para dentro do gol e deu o fôlego que a equipe precisava para conseguir a virada.

João Pedro – Fluminense

Após marcar sete gols nos últimos quatro jogos, o jovem, de 17 anos, fez contra o Bahia seu segundo jogo como titular. O Flu não criou tanto, mas João Pedro usou seu faro de goleador parar marcar o segundo gol do Fluminense, depois do rebote do goleiro. O garoto chegou a incrível marca de oito gols marcados em nove chutes que foram na direção do gol na carreira.

Eduardo Barroca – Botafogo

O Botafogo pode até ter perdido para o Palmeiras, mas a verdade é que não foi uma vitória fácil do time alviverde. Muito se deve à estratégia do técnico Eduardo Barroca, que vendeu caro os três pontos para os paulistas na derrota pelo placar mínimo. O Botafogo veio de uma sequência forte e mesmo com alguns desfalques foi bem sólido na defesa. A vitória é contestada pela diretoria alvinegra por conta do suposto uso irregular do VAR.

Anúncios

Sobre Ivaldo Lobato

Sou estudante de jornalismo e comecei minha trajetória no radiojornalismo em 2017, quando fui repórter da rádio Top Rio Fm e da webrádio Rede Show de Bola, onde eu acompanhava o dia a dia dos quatro grandes do Rio e fazia a cobertura das partidas. Hoje em dia, sou estagiário na assessoria de imprensa do TCE-RJ e dedico o tempo livre que tenho ao que mais gosto: futebol.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s