Conselho Deliberativo do Vasco veta sindicância contra Campello

Foto: Paulo Fernandes / Vasco

Na noite desta segunda-feira(03) , o Conselho do Vasco resolveu não abrir uma comissão de sindicância para investigar o presidente. No total foram 202 votos: 105 contra e 95 a favor. Alexandre Campello havia sido denunciado por causar rombos financeiros ao clube não cumprindo acordos judiciais. Cerca de 200 funcionários foram demitidos.

Campello, que pretendia renunciar caso a sindicância fosse aprovada, acabou conseguindo virar o jogo que parecia perdido. Durante a reunião, o presidente do Vasco contou com uma série de apoios que o ajudaram a vencer. O mais decisivo e de última hora foi de Eurico Brandão, filho de Eurico Miranda. Vestido de forma similar com seu falecido pai, ele fez um discurso forte contra a abertura de sindicância.

Antes da reunião a expectativa era de que Alexandre Campello tivesse ao seu favor votos do seu grupo, mais beneméritos e ‘Casaca!’. Contra, a Sempre Vasco, de Júlio Brandt, mais beneméritos e outros grupos. A expectativa era de Campello ser derrotado, porém a situação mudou durante o encontro.

O Conselho Deliberativo aprovou ainda o empréstimo de R$ 10 milhões de um pedido de R$ 30 milhões feito por Campello para honrar os compromissos financeiros até o fim do ano. Os outros R$ 20 milhões serão analisados em uma nova reunião na segunda-feira.

Anúncios

Sobre Rodrigo Castelo

Sou estudante de jornalismo e a paixão pelo esporte me motivou a escrever para o site.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s