Em noite de Fábio e Thiago Neves, Cruzeiro despacha Fluminense da Copa do Brasil

Foto: Vinicius Silva/Cruzeiro

O confronto dessa quarta-feira pela Copa do Brasil, marcou o reencontro das equipes de Fluminense e Cruzeiro após o jogo de ida que terminou empatado em 1 a 1. O Cruzeiro tinha a força da sua torcida em busca da classificação e o Tricolor não contava com o zagueiro Matheus Ferraz, e os atacantes Yonny González e Pedro, mas contava com seus tricolores que foram a Minas Gerais.

O Fluminense começou o jogo como se estivesse em casa, com toques rápidos e muito apoio dos laterais a equipe carioca empurrou o Cruzeiro para o campo de defesa. Mesmo não criando chances o Tricolor dominava o jogo, porém a primeira grande chance foi do clube de Minas. Robinho aproveitou o vacilo de Alan na saída de bola e bateu pra boa defesa do goleiro Agenor.

Aos 7 minutos de jogo o atacante Brenner invadiu a área e foi derrubado por Dedé, o árbitro Rafael Traci mandou o jogo seguir e quando a bola saiu fez o tradicional gesto com as mãos e foi checar o VAR, a tecnologia apontou pênalti para o Fluminense, PH Ganso cobrou, Fábio defendeu e Luciano no rebote estudou as redes. VAR novamente em ação, Luciano do Tricolor e Dodô do Cabuloso invadiram a área antes da cobrança, o juiz mandou os cariocas cobrarem novamente. E lá veio Paulo Henrique Ganso novamente enfrentar Fábio que já pegou 26 pênaltis na carreira, com a classe dos tempos de Santos, o camisa 10 deslocou o arqueiro e explodiu a torcida Tricolor.

Após o gol, o Fluminense assustou o Cruzeiro em cruzamento de Luciano, a bola passou por toda área e Fábio mandou pra escanteio, e depois em chute de fora da área de Brenner, a bola passou perto do travessão Mineiro. O Cruzeiro que precisava fazer gols perdeu seu camisa 9, Fred sentiu lesão após lance com o zagueiro Frazan e foi substituído por Sassá. O atacante ex Botafogo assustou Agenor em um chute pra fora. No final do primeiro tempo Sassá, Lucas Romero e Alan se desentenderam e foram advertidos com amarelo.

Na volta do intervalo, Mano Menezes sacou Marquinhos Gabriel para botar Pedro Rocha, o jogo mudou de cara. O Fluminense parecia intimidado devido à pressão cruzeirense. Em lance de escanteio Dedé desviou para o segundo pau, Ariel Cabral botou para o meio da área novamente e Thiago Neves empatou o jogo, logo após Thiago Neves novamente fez linda jogada, deu uma caneta em Ganso e lançou Pedro Rocha, o atacante foi derrubado por Gilberto e o árbitro marcou o pênalti. O predestinado que veio do banco Sassá bateu e Agenor fechou o gol.

Porém quando a bola parou nos pés de Lucas Romero, o lateral Caio Henrique fez a falta dentro da área novamente. O jogo seguiu mas o VAR chamou o juiz e alertou sobre o pênalti. A torcida pediu Thiago Neves na cobrança, o camisa 10 atendeu o pedido, pegou a bola e virou o jogo para a raposa, a lei do ex castigou o Fluminense. Fernando Diniz não se entregou e tirou Nino e Frazan para botar Miguel e Evandro. E aos 51 do segundo tempo apareceu o iluminado moleque de Xerém, João Pedro marcou seu nono gol em 14 jogos, em um voleio lindo de se ver.

Foto: Twitter do Cruzeiro.

Nas penalidades, Lucas Silva abriu a série e desperdiçou a primeira cobrança do Cruzeiro chutando para fora, Ganso veio em sequência e também desperdiçou carimbando o travessão. O argentino Lucas Romero praticamente repetiu a cobrança de Ganso carimbando o travessão no mesmo lugar, e finalmente Caio Henrique estufou as redes para o Tricolor. Pedro Rocha deixou tudo igual deslocando Agenor, e Fábio a parede celeste impediu o garoto João Pedro de marcar nos pênaltis. Sassá após desperdiçar a cobrança no tempo normal, recebeu um voto de confiança, pegou a bola e converteu dessa vez, o lateral Gilberto por outro lado acertou a trave. E coube a ele, o camisa 10 ex Fluminense Thiago Neves, e a lei do ex não perdoou os cariocas, o meia bateu bem e mandou o Tricolor das Laranjeiras de volta pra casa.

Anúncios

Sobre Igor Castilho

Sou mais um amante de futebol e estudante de jornalismo que busca seu lugar, trazendo com seriedade as informações. Escrevo para a página "Por Dentro do Gol".

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s