Jogadores do Botafogo, não darão mais entrevista como protesto de salários atrasados

Foto: Vítor Silva/Botafogo

Os jogadores também não participam de ações de marketing do clube

O elenco profissional do Botafogo, decidiu não dar mais entrevistas para os jornalistas. Essa atitude foi adotada, após o clube completar seu segundo mês de salários atrasados. Este não foi o primeiro caso de protesto feitos pelos atletas.

Neste sábado, o clube Alvinegro anunciou que haveria uma sessão de autógrafos com os zagueiros Carli e Gabriel, como o protesto também envolve ações de marketing do clube, o evento foi cancelado.

carligab

Apesar dessa queixa dos jogadores, o treinamento na manhã desta quarta-feira ocorreu normalmente. O clube se manifestou sobre o caso e disse que a atitude dos atletas é digna e afirmou que irão solucionar o problema o quanto antes.

Este não é o primeiro caso de protesto feito pelos atletas profissionais do Botafogo neste ano. Antes do primeiro jogo contra o Juventude, em abril, os jogadores recusaram se concentrar para a partida.

General Severiano sem luz

A crise se expande também para a sede do clube em General Severiano que teve sua luz cortada por falta de pagamento, também nesta quarta-feira. O clube já efetuou o pagamento para a Ligth, empresa responsável pelo fornecimento de energia naquela região, e é provável que a eletricidade volte no fim do dia.

João Vitor Campos

Sou estudante de jornalismo e faço estágio na Universidade Candido Mendes. Sou fundador do Por Dentro do Gol, colaborador do site Torcedores.com e já tive uma passagem na Web Rádio Top Sports.

Escreva um comentário...