Após priorizar Pedro, Fluminense quita um mês de CLT com o elenco

Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC

Tricolor efetua o pagamento no último dia do prazo para completar três meses de atraso

O Fluminense diminuiu a dívida com o elenco nesta sexta-feira (05). Os jogadores receberam os salários da CLT referentes ao mês de abril. Tal medida visa diminuir o desconforto interno causado pela priorização dos pagamentos atrasados ao atacante Pedro, o qual recebeu adiantado para não correr o risco de uma possível saída através de ação judicial, mediante ao interesse do Flamengo.

Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC

A estratégia, apesar de ter sido compreendida pelo grupo de atletas, não impediu a insatisfação do elenco. A quitação de parte dos salários da CLT aos demais jogadores, aconteceu no último dia do prazo para completar três meses. Pela legislação, o clube fica sujeito à quebra de vínculo se atrasar a partir de tal período, o que beneficiaria os argumentos de qualquer atleta que buscasse a rescisão de contrato com o Flu.

Os débitos com os jogadores ainda são grandes. O Fluminense precisa pagar os meses de maio e junho da CLT, o 13º salário, além de direitos de imagens de parte do elenco. Cogita-se a possibilidade da diretoria pagar os vencimentos de maio na próxima semana.

Gustavo Guerra

Estudante de jornalismo - PUC RIO

Escreva um comentário...